Estamos trabalhando em um novo portal para Porto Alegre. Visite o novo portal e ajude-nos com seu feedback.
Prefeitura de Porto Alegre
Lupa
A- A+ A- A+    A A A A    ?
voltar ao topo ^

Smed debate acesso de alunos com deficiência ao mundo do trabalho

11/07/2018 18:35:01

Foto: Manoelle Duarte / Divulgação PMPA
Participaram do encontro estudantes da rede municipal, familiares e educadores

Participaram do encontro estudantes da rede municipal, familiares e educadores

A Secretaria Municipal de Educação (Smed) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDSE) promoveram, na tarde desta quarta-feira, 11, no auditório da Smed, a terceira edição da Roda de Conversa Inclusiva. Desta vez, o tema foi a inclusão de jovens com deficiência no mercado de trabalho por meio do Programa de Trabalho Educativo (PTE), serviço prestado pela Smed. Participaram do encontro alunos com deficiência da rede municipal de ensino, familiares, educadores, representantes de empresas parceiras do PTE, membros das diretorias Pedagógica da Smed e de Acessibilidade e Inclusão Social da SMDSE, e do Ministério do Trabalho e Emprego do Rio Grande do Sul.
Na Rede Municipal de Ensino (RME) são mais de 200 alunos que participam do PTE. Eles frequentam as escolas municipais de ensino fundamental e básico, as de ensino especial e o Centro Municipal de Educação dos Trabalhadores (Cemet) Paulo Freire, exclusivo para a modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA). A roda de conversa debateu o acesso de pessoas com deficiência no mundo do trabalho e os desafios para igualar as oportunidades de emprego às pessoas com deficiência.
A auditora fiscal do Ministério do Trabalho, Ana Costa, salientou que não há limites para inclusão de pessoas com deficiência no mercado. As professoras do PTE das escolas da região Leste e da EJA e das escolas da região norte, Marilene Zimmer e Cristiane Schroeder, respectivamente, falaram sobre o funcionamento e os objetivos do programa e destacaram a evolução dos alunos.
Os estudantes Raiana Brenda, da Emeb Drº Liberato Salzano Vieira da Cunha, e Ubirajara Soares, do Cemet Paulo Freire, representaram, entre os demais convidados da roda de conversa, os alunos que passaram pelo PTE e por estágios em secretarias e departamentos do Município e na Câmara de Vereadores. Raiana e Ubirajara contaram suas experiências com o programa, que oportunizou o ingresso em cursos profissionalizantes em entidades parceiras do projeto, como o Senac e Senai, possibilitando a entrada no mercado de trabalho.
A próxima Roda de Conversa Inclusiva será em setembro, com data a ser confirmada, e terá como tema altas habilidades e superdotação. O auditório da Smed já recebeu outras duas rodas de conversa sobre síndrome de Down, em março, e sobre o Transtorno do Espectro Autista, em maio deste ano.
PTE - É um serviço da Smed criado em 1996 para preparar alunos com deficiência (física, sensorial e intelectual), transtornos globais do desenvolvimento e transtorno do espectro autista, em fase de conclusão do Ensino Fundamental, para o mundo do trabalho. O programa oferece novas possibilidades de aprendizagem para além do espaço escola e visa a incentivar a prática da cidadania, a inserção na cultura e a participação na sociedade.
O programa conta com o apoio do Sistema S, da Superintendência Regional do Trabalho, do Comitê Pró-Inclusão e do Grupo de Apoio Local na oferta de cursos de capacitação e encaminhamento ao mercado de trabalho. O PTE está presente nas quatro escolas municipais de ensino especial (Lucena Borges, Lygia Averbuck, Elyseu Paglioli e Tristão Sucupira Vianna), na Escola Bilíngue de Surdos Salomão Watnick, atendendo também os alunos de inclusão nas escolas regulares por intermédio da Sala de Integração e Recursos (SIR-PTE).


/educacao /escolas

Texto de: Vitória Garcia (estagiária) / Supervisão: Cristina Lac
Edição de: Gilmar Martins
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.

                        
Facebook PMPA Flickr da Prefeitura RSS da Prefeitura Twitter da Prefeitura

Prefeitura Municipal de Porto Alegre - Praça Montevidéo, 10 - Rio Grande do Sul - Brasil - CEP 90010-170