PMPA / SMURB / Viva o Centro / Conheça o Centro / Bens Tombados / Ponte de Pedra

Ponte de Pedra


End.: Largo dos Açorianos
Tombado: SMC - Secretaria Municipal da Cultura

A ponte romana é composta por três arcos plenos, apoiados em duas fundações enterradas nas margens do antigo riacho e sobre dois pegões de pedra aparelhada.

Segundo informa o cronista Pereira Coruja em Antigualhas, quando o Conde da Figueira, governador da Capitania entre 1818 e 1820, mandou abrir o "Caminho de Belas”, atual Avenida Praia de Belas, ainda não havia ponte no Riachinho – atual Arroio Dilúvio - para ligar as chácaras ao centro da cidade.

No governo do Visconde de São Leopoldo foi construída uma ponte de madeira sobre o Riacho, junto à sua foz no Guaíba, um pouco mais abaixo da atual Ponte de Pedra. Essa primeira ponte de madeira sofreu repetidos danos e passou por várias reconstruções, em 1830, depois da enchente de 1833 e em 1844.

Em 1846, durante o período de pacificação da província riograndense, o Conde de Caxias, então presidente, decide construir uma nova ponte, de pedra, na embocadura da Rua da Figueira, lugar mais favorável ao trânsito público. Foi aberta ao público em 1848, ainda em obras, possibilitando o fechamento da ponte de madeira.

Um século mais tarde a obra ficou ociosa em virtude da retificação do riacho. Não obstante, sabiamente, a municipalidade preservou a ponte, expressivo testemunho da cidade antiga, sobre um espelho de água. Lamentavelmente o nível deste ficou alto demais encobrindo os pilares da ponte, que antigamente ficavam a descoberto.

Transformada em monumento urbano, a ponte de pedra foi tombada pelo município em 1979.

Referências:
Franco, Sérgio da Costa. Guia Histórico de Porto Alegre. Porto Alegre: Editora da Universidade (UFRGS)/Prefeitura Municipal, 1988
http://www.terragaucha.com.br/praca_dos_acorianos.htm
http://pt.wikipedia.org/wiki/Ponte_de_Pedra
http://www.portoalegre.rs.gov.br/cultura
http://www.portoimagem.com/
http://www.portobusca.com.br




» contatos
Liane Klein
(51)3289.8275

Desenvolvimento PROCEMPA