PMPA / SMURB / Viva o Centro / Conheça o Centro / Ruas

Avenida Osvaldo Aranha

Começa na Praça Argentina e termina na Rua Ramiro Barcelos, no Bairro Bom Fim, contornando, pelo lado norte, o quarteirão da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e o Parque Farroupilha - antiga Várzea.

Conhecida como Estrada do Meio ou Caminho do Meio,  teve o primeiro arruamento requerido, em 1833, pela Santa Casa de Misericórdia para edificar, no fundo de seu terreno, que fazia frente à Várzea, algumas casas, citadas, em 1836, pelo jornal O Mensageiro, como “casas novas da Caridade, sitas na Várzea”.

Fica evidente, pelo exame de várias resoluções da Câmara Municipal, que a face norte do caminho era toda de chácaras com frentes irregulares, o que retardou a fixação de um logradouro público regular. Em 1849, os vereadores autorizam um fiscal municipal à “mandar compor a Estrada do meio nas proximidades da Várzea desta Cidade, podendo para isso comprar pedra ou cascalho”.

Em 1867, que foi lançada a pedra fundamental da capela do Senhor do Bom Fim, que deu origem ao nome Campo do Bom Fim em 1870 e, posteriormente, ao Bairro Bom Fim.
Desde 1896, a avenida foi servida pelos bondinhos de tração animal da Cia. Carris Urbanos, da linha “Partenon”, que se dirigia àquele bairro através da Rua Santana.

Na planta municipal de 1916, a face norte do Campo da Redenção foi designada como Avenida do Bom Fim. O Intendente Montaury iniciou, em 1917, a sua arborização e entre 1918 e 1919, o seu calçamento:

 “No corrente ano, foi iniciado o calçamento da Avenida Bom Fim, de acordo com o plano de embelezamento desse logradouro, ficando a arborização abrigada pelo passeio central que corre longitudinalmente. No ano próximo começará os trabalhos de calçamento da avenida, no lado oeste desse logradouro, onde já estão executados grande número de trabalhos, como sejam os de drenagem de todo o Campo, esgotos de águas pluviais, terraplanagem e arborização”.

O calçamento da Avenida Bom Fim, com duas pistas de concreto armado, foi inaugurado pelo Intendente Otávio Rocha, em 1927. Em 1930, recebeu o nome de Avenida Osvaldo Aranha, em homenagem ao ilustre político riograndense, partícipe da Revolução de 1930.

A partir da década de vinte, a avenida e suas transversais se transformaram em ponto de atração de comerciantes judeus, de origem polonesa ou russa, transformando o Bom Fim no bairro judeu de Porto Alegre.

Referências:
Franco, Sérgio da Costa. Guia Histórico de Porto Alegre. Porto Alegre: Editora da Universidade (UFRGS)/Prefeitura Municipal, 1988


Página 1 | 2 | 3 || Próxima

» contatos
Liane Klein
(51)3289.8275

Desenvolvimento PROCEMPA